Resenha: Coalface da LUSH

notrailer_coalface_lush

Vim compartilhar com vocês mais um produtinho da Lush! Quando eu comprei a Mask of Magnaminty acabei ganhando uma amostrinha do Coalface, um sabonete em barra que é vendido por peso/pedaço.

O que a marca diz:
Um sabonete suave feito com pau-rosa, sândalo e carvão em pó que pode ser usado tanto no rosto quanto no corpo. O óleo de madeira de sândalo dá a este sabonete uma fragrância terrosa única. O carvão é conhecido por sua absorvência, enquanto a raiz de alcaçuz traz suavidade à pele e o óleo de pau-rosa possui propriedades antissépticas. Absorve a oleosidade, limpa e clareia. É delicado o bastante para ser usado no rosto, mas serve também para o corpo todo. Use como um sabonete comum e renove-se.

Ingredientes:

Visualmente já dá pra sentir a semelhança do produto com um pedaço de carvão. O carvão, presente na composição, ajuda a absorver o excesso de sebo e também dá uma leve esfoliada na pele. Para os “grãozinhos” não agredirem muito a pele (minha pele é bem sensível e fica vermelha facilmente quando esfoliada) costumo esfregar ele nas mãos e faço movimentos circulares no rosto todinho, principalmente na “zona T”, onde a pele é mais oleosa.

Acho a composição do produto ótima pois além da esfoliação ajudar na remoção de células mortas, a junção de óleos contribui para a hidratação e saúde da pele.

A durabilidade do produto também foi impressionante! Ganhei um pedacinho pequenininho e que ta firme e forte aqui na minha rotina diária!

Onde comprar:

A unidade com 100g custa R$ 50,70, a com 250g custa R$ 126,70 e a com 500g sai por R$ 253,40.

É possível comprar online clicando aqui ou em alguma loja física da Lush em São Paulo.

Anúncios

Espaço Clamarroca: Primeira loja colaborativa plus size do Brasil é inaugurada em São Paulo

espacoclamarroca

Foto: André Nogueira

Moda Plus Size para a sua e para a minha medida: do tamanho 46 ao 62, chegou em São Paulo o Espaço Clamarroca, a primeira loja colaborativa Plus Size do Brasil!

O espaço reúne três renomadas marcas plus size (Clamarroca, Flaminga e Asobi Mode Japan), que até então atendiam suas demandas via e-commerce (venda online), e agora possui endereço fixo localizado no bairro de Pinheiros.

“Confirmamos a necessidade de ocupar todos os lugares e de tornar o mercado de moda cada vez mais diverso! Além das clientes da loja on-line e das amigas, recebemos uma porção de visitas das moradoras do bairro, que comemoraram a facilidade em encontrar peças que desejavam e não imaginavam estar disponíveis por aí, tudo isso porque o crescimento do mercado plus size ainda se restringe a quem o procura. Precisamos estar disponíveis para que também nos encontrem!”, disse Mariana Camargo, proprietária da Clamarroca Plus e idealizadora do Espaço Clamarroca.

Acompanho o trabalho das três marcas, conheço a qualidade das roupas e tenho certeza que essa iniciativa é a primeira de muitas que virão! É lindo ver essa união acontecendo e fortalecendo o mercado da moda plus size com tantas peças MARA! ❤

marianahessel_notrailer_lookespacoclamarroca

Jaqueta Bomber Girl Power da Vintage and Cats (vende na Flaminga) e blusa Honor My Curves da Clamarroca

 

Espaço Clamarroca

Endereço: Rua Dr. Virgílio de Carvalho Pinto, 193 – Pinheiros (perto da Estação Fradique Coutinho do Metrô – Linha Amarela)

Horário de funcionamento: segunda à sexta, das 10h às 19h30, sábado das 10h às 18h

Contato: Clamarroca | Flaminga | Asobi Moe Japan

The Umbrella Academy, HQ do Gerard Way, vai para a Netflix!

É com o coração cheio de orgulho que venho compartilhar o mais novo investimento da Netflix. O serviço de streaming confirmou ontem que os quadrinhos de Gerard Way (vocalista do My Chemical Romance) vão ganhar uma série live-action, ou seja, não será uma animação e sim uma série com atores reais.

“Estou animado por ‘The Umbrella Academy’ ter encontrado um lar na Netflix. Não poderia pensar em um lugar melhor para a visão que eu e Gabriel Bá tivemos quando criamos os quadrinhos, e mal posso esperar para as pessoas verem esse mundo como uma série live-action.” (Gerard Way)

O que se sabe por enquanto é que Gerard é o produtor executivo da série e o responsável pela adaptação da HQ é Steve Backman (Fargo). O roteiro do episódio piloto está sendo escrito por Jeremy Staler (Quarteto Fantástico) e a temporada completa irá conter 10 episódios.

Com previsão de lançamento para 2018 (TÁ CHEGANDO JÁ, SOCORRO!), a série já ganhou seu primeiro poster de divulgação:

TUA_NETFLIX_NOTRAILER

Para quem não sabe, os quadrinhos do TUA são desenhados pelo brasileiro Gabriel Bá ( ❤ ) e em dezembro de 2015, Gabriel e Gerard participaram da Comic Con Experience autografando as edições da HQ no stand da Devir e eu tive a honra de viver esse momento e realizar meu sonho de conhecer o Gerard pessoalmente e apertar sua mão! Estou explodindo de alegria por mais essa conquista merecida e tenho certeza que a série será um sucesso absoluto!

12347835_489119701270951_9161790126187672860_n12347829_489539367895651_8358751784486594506_n

Brilhem meus garotos, amo vocês! ❤

beeijos,
Mari Hessel

The Body Shop lança petição para combater testes em animais

peticao_teste_animais

A The Body Shop é uma marca inglesa bastante renomada por seus produtos de beleza e seus valores eco-friendly, buscando uma relação equilibrada e responsável entre o meio ambiente e o mercado da beleza.

Essa semana a The Body Shop, em parceria com Cruelty Free Internacional, lançou uma petição para combater os testes de produtos de beleza que são realizados em animais em diversos laboratórios de cosméticos. Atualmente 189 países utilizam testes em animais, inclusive o Brasil!

img1

A petição precisa conter 8 milhões de assinaturas e será entregue à Organização das Nações Unidas (ONU) com um pedido para que adotem uma convenção internacional e coloquem um fim aos testes de produtos e ingredientes cosméticos em animais no mundo todo.

Assinando a petição online disponível no http://bit.ly/contratesteemanimais podemos acabar com essa prática e levar liberdade a todos esses animais! #ForeverAgainstAnimalTesting

“Continuamos a lutar por nossa visão de um mundo sem testes em animais para finalidades cosméticas. Somos livres de crueldade em animais, somos 100% vegetarianos e possuímos o selo Leaping Bunny*.” (The Body Shop)

img2

*O certificado Leaping Bunny é o único programa reconhecido internacionalmente que permite aos consumidores identificar facilmente e adquirir produtos cosméticos e de higiene que não foram testados em animais. É o único programa que exige que cada empresa seja aberta para uma auditoria independente em toda a cadeia de suprimentos.

Mari Hessel
@instagiaria

Desabafo & Crise dos 20

Infelizmente eu ando tendo várias crises em relação a minha vida pois sempre acho que eu devia estar fazendo melhor, me dedicando mais e sempre acho que estou atrasada e perdendo tempo. Antes de fazer 18 anos eu tinha várias expectativas em relação a “minha vida pós 18” e nenhuma delas eu consegui atingir até hoje. Isso me frustrou uma cobrança enorme e que quando eu enxergo o futuro eu só consigo me “aliviar” pensando em como eu vou quitar essas dívidas comigo mesma, dívidas que eu mesma criei. Isso é muito sufocante.
Quem me conhece sabe que eu sou uma pessoa super ansiosa e como eu costumo dizer: bem desesperada. Eu entro em pânico cada vez que alguém me cobra uma visita, uma atenção ou questiona sobre a minha vida e o futuro dela. Eu sempre acho que não estou sendo suficiente e que talvez eu nunca seja suficiente.
Me apegar a essa expectativa que eu criei sobre o meu futuro era algo que me motivava e que me servia de impulso. Hoje eu sinto que toda essa cobrança está me afundando…

18952729_734992113350374_1966935437662154763_n

SORTEIO: Patches termocolantes!

Ano passado fiz um post aqui no blog sobre patches e decidi fazer um sorteio deles por aqui! eai, quer ganhar esses patches lindos??

sorteio

 Regras para participar do sorteio:

1) Siga o instagram @instagiaria

2) Curta a página do blog no Facebook (http://facebook.com.br/blognotrailer )

3) Marque 3 migos nos comentários dessa foto.

Você pode participar quantas vezes quiser mas lembre-se de marcar apenas 3 pessoas por comentário, assim o sistema consegue identificar a sua participação.

Não é válido marcar perfis de lojas, perfis de famosos, perfis fakes ou ficar marcando a mesma pessoa várias vezes. As marcações só serão válidas NESTA FOTO e via Instagram.

O sorteio é válido apenas para residentes no Brasil e será realizado dia 27 de Maio. O sortudo será avisado nas suas redes sociais.

Boa sorte!!! ❤

Precisamos falar sobre bullying e 13 Reasons Why!

Certamente, você deve ter visto muita gente na sua timeline falando sobre “13 Reasons Why”. Sendo uma adaptação do livro de Jay Asher publicado em 2007, a nova série da Netflix teve sua estreia dia 31 de março e desde então causou um grande “boom” nas redes sociais.NetflixTiein

A história relata a vida da jovem Hanna Baker que cometeu suicídio sem ninguém saber ao certo o motivo que a levaria tomar essa decisão. Pelo menos não de início. O atrativo da história é como esses motivos são revelados ao público: Hanna gravou sete fitas cassete narrando cada um dos porquês, e principalmente, quem são os 13 responsáveis por ela chegar a esta conclusão. Quem recebe as fitas está diretamente relacionado ao motivo e além de escutar as fitas, a pessoa tem que seguir uma série de instruções para passar a fita à diante para o próximo responsável.

13-reasons-why-personagens-netflix

Prometo não dar muito spoiler mas você já deve imaginar que a raiz dos motivos é aquilo que muitos adolescentes passam na época do colégio: O BULLYING.

Lembro do dia quando fui apresentada a essa nova palavra sendo que já era vítima dela há muitos anos. A nova palavra se tornou rotineira assim como seu ato. Foi quando sua gravidade chegou a se tornar motivo de piadinha nos corredores. Com bullying não se brinca.

Para alguns pode ser bobagem mas já estava na hora do assunto ser tratado como protagonista, afinal o bullying é o gatilho para muitas das decisões por suicídio e não deve ser mascarado e tratado como algo sem importância.

A série deixou meu coração angustiado e me fez recordar a perseguição que sofri na época da escola. Apelidos, piadas, exclusão, perseguição. Coleciono histórias em que me senti humilhada pelos meus colegas e isso refletiu em um enorme complexo de autoestima, inferioridade, depressão e mania de perseguição.

Screen-Shot-2017-02-22-at-5.41.22-PMAcredito que quem sofreu com o bullying no passado sempre levará consigo essas cicatrizes e pode lidar com elas de várias maneiras. Trabalhando muito meu psicológico, passei a encarar as coisas de uma maneira diferente, criando um escudo onde cada agressão verbal não conseguia mais me atingir.

Eu espero do fundo do meu coração que a série incomode os espectadores ao ponto de não aceitarem o bullying em seu cotidiano, criando um novo olhar sobre as pessoas. #NaoSejaUmPorque e não machuque seus colegas, você não tem esse direito.

beeijos,
Mari Hessel